O La Varenne aposta em clássicos franceses revisitados com toques da culinária italiana e brasileira. À frente da cozinha, o chef Felipe Miyake propõe massas artesanais, saladas, risotos e um leque variado de carnes e frutos do mar, que vai do entrecôte ao bacalhau selvagem da Islândia. Durante a semana, o restaurante serve almoço executivo com mais de quatro opções de menu. O ambiente é assinado pela arquiteta Fernanda Cassou e segue uma linha similar à cozinha contemporânea: linhas retas e materiais naturais. Capacidade: 134 pessoas. Preço: de R$ 15 (couvert) a R$ 153 (camarão rosa grelhado à provençal com palmito, abobrinha e tomates).