Gazeta recomenda

Eventos rivais: Villa Mix e Festeja trazem gigantes do sertanejo a Curitiba

Os dois maiores festivais do país passam por Curitiba com intervalo de três semanas. Na rivalidade entre as marcas, quem ganha é o público

  • Sandro Moser
  • 18/08/2017
  • 17:13
Eventos rivais: Villa Mix e Festeja trazem gigantes do sertanejo a Curitiba Maiara e Maraisa vão estar em um evento e Simone e Simaria em outro. Fotos: Divulgação.

Para quem curte música sertaneja, o momento mais esperado do ano é, sem dúvida, a chegada dos dois maiores festivais sertanejos do país: o Villa Mix e o Festeja. Ambos serão realizados na cidade com uma diferença de três semanas nos meses de outubro e novembro.

O primeiro da fila é o Villa Mix, dia 21 de outubro, no Expotrade. O Villa Mix defende o status de maior festival sertanejo do Brasil. Criado em Goiânia em 2011, já foi realizado em 34 cidades brasileiras. Esta é a segunda edição do evento em Curitiba.

As atrações confirmadas deste ano são Luan Santana, Jorge e Mateus, Simone e Simaria, Matheus e Kauan, Edu Chociay. Para completar a escalação, há alguns nomes fortes da música eletrônica - o festival também confirmou o show dos DJ Alok e DJ Jetlag.

Villa Mix 2016 em Goiânia. Foto: divulgação.

Segundo o empresário João Guilherme Leprevost, da CWB Brasil – empresa que promove o evento em Curitiba e já organiza o festival Country Festival - a ideia é que a partir de 2017, o festival Villa Mix consolide Curitiba como uma de suas sedes permanentes.

“Sem sombra de dúvidas consolidar este evento é o maior objetivo. Os paranaenses ficarão impressionados com o porte e estrutura do evento. A partir de agora, o público poderá contar com um dos maiores festivais de musica aqui na nossa cidade todos os anos”.

O Villa Mix já aconteceu uma única vez em Curitiba, em 2014 na Pedreira Paulo Leminski.

Festeja na Pedreira

Vista aérea do Festival Festeja em Goiânia em 2016. Foto: Divulgação

Desta vez, a Pedreira Paulo Leminski será o palco de outro grande Festival, o Festeja Curitiba, que acontece três semanas depois, no dia 11 de novembro. O Festeja também é um festival itinerante que é realizado em várias cidades do país.

Em Curitiba, as atrações confirmadas são as duplas Henrique & Juliano, Maiara & Maraisa, Zé Netto & Cristiano e Luiza & Maurilio. Criado em 2012, o Festeja já teve edições internacionais em cidades como Londres, Lisboa e Bruxelas, sempre com nomes de sucesso da música sertaneja ou popular.

“Festeja significa a junção das palavras festa e sertaneja. É um convite para que todos possam se divertir em clima alto-astral, de festa, de confraternização entre as pessoas, ao lado de grandes artistas da música brasileira”, explica o executivo da Som Livre responsável pela área de shows, Bruno Graça Melo Côrtes.

Os ingressos do Festeja Curitiba 2017 já estão à venda.

Rivalidade e concorrência

Eles são o equivalente ao " Boi Garantido e Boi Caprichoso" da música sertaneja, em alusão à rivalidade entre as duas agremiações da folia de boi-bumbá que dividem o festival de Parintins, na Amazônia. Rivalidades e concorrência também movem os dois grandes festivais de música sertaneja Villa Mix e Festeja.

Cada uma das marcas representa uma gravadora e um grupo de influência do mercado sertanejo brasileiro. O Villa Mix pertence a Áudio Mix, o escritório artístico de Jorge e Mateus.

Já o Festeja é uma associação da gravadora Som Livre, que pertence ao Grupo Globo, com o escritório Work Show, de Henrique e Juliano. Como ambos são itinerantes, costumam ocorrer nas mesmas cidades e regiões com intervalos curtos entre eles e sempre uma pequena batalha de números quanto à presença de público e de investimentos em infraestrutura.

Tags

8 recomendações para você

Deixe sua opinião

Mais lidas do Guia

Quem tem

tem descontos

Garanta já seu desconto