Gazeta recomenda

Por que o line-up do Festival Coolritiba representa vanguarda da música popular brasileira

Segunda edição do evento traz para o palco (e também para as ruas) o que há de mais contemporâneo e representativo nos dias de hoje

  • Bruna Covacci
  • 28/02/2018
  • 08:30
Por que o line-up do Festival Coolritiba representa vanguarda da música popular brasileira Um dos destaques do line-up, a cantora Iza. Foto: Divulgação.

Na sua segunda edição, o Festival Coolritiba, que acontece no dia 05 de maio, na Pedreira Paulo Leminski, promete conversar com a cidade e com os cidadãos. Com a ideia de promover entretenimento, difundir a cultura local e também fomentar a cena da cidade, deixando ainda legados para a arquitetura – como a reconstrução de murais, o festival traz para os palcos o que há de mais moderno na música nacional.

Entre os destaques do line-up está a cantora Iza. Nascida no Rio de Janeiro, nos anos 1990, foi criada no bairro de Olaria, no subúrbio carioca. Negra, canta versos como “Vim pra Ficar”. Algumas letras falam sobre sentimentos, mas a mensagem principal é o empoderamento feminino, como em “Quem Sabe Sou Eu”, parceria dela com os hitmakers Pretinho da Serrinha, Rogê e Gabriel Moura. Iza conversa com os ideais das ruas, da vontade que vem dos bares, das escolas e dos adolescentes.

Jenni Mosello também conversa com o público feminino: a curitibana de 23 anos, vice-campeã do “The X-Factor Brasil”. Em seu último single, “Vou Gritar”, lançado em 2017, ela diz: “Já tô cansada/de te ouvir falar/agora é minha vez/agora vou gritar”.

Desde o ano passado, com o lançamento do álbum Duas cidades, a banda Baiana System ganhou destaque no mundo da música. O material, composto por 12 faixas, chamou atenção para o grupo formado em 2009 por Russo Passapusso, Roberto Barreto e SekoBass. O grupo está revolucionando a música na capital do axé, tendo sido um dos destaques do carnaval baiano de 2018. O Baiana System bebe em diversas fontes e também traz um discurso politizado, o Russo Passapusso, frontman e também compositor, costuma observar o cotidiano e fazer letras a partir de crônicas que vive. A atualização também está na batida e o visual importa muito. 

Francisco, el hombre não é novidade e vem mais uma vez para o festival. Eles, que têm canções que falam tanto sobre o cenário político e apoiam causas políticas como o direito da mulher; deram uma entrevista em sua última vinda a Curitiba falando que seu intuito é o de “dar voz ao incômodo das pessoas”.

As quatro atrações estão vivendo um grande momento da carreira,

E de música?

Tirando o cunho social, a música deve agradar a todos os tipos de público. Entre as principais atrações, Nação Zumbi, AnaVitoria e Sandy e Maneva.

Leia mais: 

>>> Guia útil para curtir o show do Foo Fighters e Queens of The Stone Age em Curitiba

>>> Confira o provável setlist do show do Foo Fighters no Brasil

 

Tags

8 recomendações para você

Deixe sua opinião

Mais lidas do Guia

Quem tem

tem descontos

Garanta já seu desconto