cartão

Assinatura:

ASSINAR ENTRAR
ASSINE

Gazeta recomenda

Festival Subtropikal traz fóruns e oficinas ligados à criatividade

Dividido em três frentes, Reflita, Explore e Curta, o evento vai acabar com show da BaianaSystem

  • Marina Fabri
  • 18/06/2017
  • 08:00
Festival Subtropikal traz fóruns e oficinas ligados à criatividade Expectativa é de que até 5 mil pessoas participem de todos os eventos do Subtropikal

O festival Subtropikal, que será realizado pela segunda vez em Curitiba entre os dias 15 e 22 de julho, vai promover uma série de eventos ligados à criatividade e cultura. O festival desse ano será dividido em três frentes: Reflita, Explore e Curta, cada um com ações e eventos diferentes.

A primeira delas, Reflita, será realizada nos dias 19 e 20 de julho, na Capela Santa Maria. Lá, será realizado um fórum de discussões com vários convidados – no total, serão dez painéis divididos nos dois dias. Entre os convidados, estão o empresário paulista Facundo Guerra e o Coletivo Por Mais Turbantes nas Ruas, do Sergipe. “Nesses dois dias, serão abordados alguns temas como novos modelos para a cidade, design, economia colaborativa e outros”, explica a organizadora do evento, Bruna Calegari.

O evento será realizado sempre das 16h às 22h e o ingresso para cada dia custa R$ 25. Também dá para comprar o passaporte Subtropikal, que inclui ingressos para os dois dias de Reflita mais o ingresso para a festa de encerramento (ver mais abaixo).

Já a segunda frente, a Explore, reúne uma série de oficinas e workshops que serão realizados em diversos lugares da cidade. Os temas vão desde cultivo de orquídeas até marcenaria para mulheres, passando por técnicas de reiki, dança, desenho, como fazer acessórios em madeira e outros.  Serão 16 oficinas e cada uma delas tem ingressos que são vendidos separadamente. As opções vão de R$ 60 a R$ 195 por oficina, em geral (há uma delas, sobre interdisciplinaridade, que é gratuita).

Os criadores responsáveis pelas oficinas foram escolhidos a dedo. “Estamos sempre com os ouvidos atentos ao que acontece na cidade, pois queremos sempre trazer temas que sejam relevantes e que possibilitem conexões criativas entre os participantes – queremos incentivar as pessoas a saírem da frente do computador e aprenderem algo novo, conhecerem novas pessoas, ocupar e ressignificar  o espaço urbano”, diz a organizadora. A expectativa da organização é de que até 5 mil pessoas participem de todos os eventos propostos.

Para saber mais sobre a programação e ingressos, clique na ficha abaixo:

Festa de encerramento com BaianaSystem

A terceira frente do Subtropikal é a Curta, que é a festa de encerramento. Para finalizar esta segunda edição do evento, a banda escolhida foi a BaianaSystem, que vai fazer um show na Ópera de Arame no dia 22 de julho. Nascido em 2009, em Salvador (BA), o grupo mistura uma infinidade de ritmos, como rock, samba-reggae, chula, samba duro, axé, pagode, pop e até música eletrônica – esta será a primeira vez deles por aqui. “Escolhemos a BaianaSystem justamente porque acreditamos que essa mistura de ritmos tem muito a ver com o Subtropikal, casou certinho com nossa identidade ”, explica Bruna.

No ano passado, a banda foi um dos destaques do Prêmio Multishow – levou os prêmios de melhor hit, com Playssom, e de melhor disco, com Dias Cidades. Além dos baianos, a festa de encerramento terá também apresentações da Mulamba, DJ Caê Traven e outros. Os ingressos para os shows (que custam a parti de R$ 50) já estão disponíveis e o evento é aberto ao público, ou seja, não é necessário ter participado do Subtropikal para poder ir à festa de encerramento.

Veja mais informações e conheça o som da banda:

Deixe sua opinião

Mais lidas do Guia

Quem tem

tem descontos

Garanta já seu desconto