Gazeta recomenda

Concerto no Guairão revive era em que todo rádio no Brasil ouvia música francesa

Clássicos arranjos do easy listening das orquestras de Paul Mauriat e Ray Connif são apresentadas em concerto nostálgico

  • Sandro Moser
  • 08/01/2019
  • 17:56
Concerto no Guairão revive era em que todo rádio no Brasil ouvia música francesa Com regência de Gilles Gambus, concerto revive era de ouro das orquestras. Foto: reprodução Facebook.

Houve um tempo em que os bailes e noites dançantes e as rádios e vitrolas domésticas foram dominados pelo som das “grandes orquestras francesas”. Um estilo que mesclava arranjos orquestrais com uma atitude pop e elementos de swing, twist, country, boleros e standards.

>>> Seis livrarias que misturam café, diversão e arte

Quem não dançou ao som ou pelo menos não conhece os arranjos de Ray Connif para o bolero Besame Mucho? Ou ainda a versão do maestro francês Paul Mauriat para a clássica canção Love is Blue?

Para reviver este período, o Teatro Guaíra vai apresentar o espetáculo As Grandes Orquestras Francesas, no dia 26 de hulho. No concerto, a orquestra com 32 músicos será conduzida pelo maestro francês Gilles Gambus, profundo conhecedor do estilo que ajudou a consagrar durante os 30 anos em que fez parte como pianista e arranjador da orquestra de Paul Mauriat.

Os ingressos já estão a venda no Disk Ingresso e vão de R$ 320 a R$60 com a taxa de entrega, dependendo do setor do assento na plateia. O concerto dura quase 2 horas.

Easy Listening
Na apresentação do concerto, o maestro afirma que “diferente de uma sinfônica ou câmara, a configuração do que se convencionou chamar de "grande orquestra" reuniu aos instrumentos clássicos uma bateria, contrabaixo elétrico, guitarras, órgão eletrônico e sintetizadores. O som dos violinos passou a ter companhia das marcações vibrantes usadas no jazz, rock e música popular brasileira”.

Foi assim que maestros como Mauriat, Connif, Frank Pourcel, Billy Vaughn e Raymond Lefèvre conquistaram o público completamente novo e o estilo foi batizado logo em seguida de Easy Listening, ou a música suave.

O repertório do concerto inclui peças da música clássica e canções românticas que foram compostas ou eternizadas por Franck Pourcel, Paul Mauriat, Raymond Lefèvre, Gilles Gambus, Bizet, Gaston Rolland, Mozart, Vivaldi, Andre Popp, Antônio Maria, Luiz Bonfá e Charles Aznavour.

Tags

8 recomendações para você

Deixe sua opinião

Mais lidas do Guia

Quem tem

tem descontos

Garanta já seu desconto