O quadro de giz exclama: “Acabou porque é fresco”. Feitos no dia para não sobrar, os pães da Fábrika Pães, no Alto da XV em Curitiba, são de fermentação lenta e limitados: cerca de 100 unidades diárias. Por mês, 700 quilos de farinha de trigo viram ciabattas e focaccias, pão bola, pão italiano e filão, multigrãos e o caseirinho, um pão de forma que tem sabores diferentes a cada dia. As receitas não têm adição de conservantes, gordura ou açúcar. Servem cafés, chás e sucos, além de uma confeitaria simples e artesanal em um ambiente despojado e descontraído.